sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Como mudar o IP ?


Existem algumas maneiras de renovar/mudar seu endereço de Ip, primeiramente vamos definí-lo.

Endereço IP (Internet Protocol). É uma especificação que permite a comunicação consistente entre computadores, mesmo que estes sejam de plataformas diferentes ou estejam distantes.


A comunicação entre computadores é feita através do uso de padrões, isto é, uma espécie de "idioma" que permite que todas as máquinas se entendam. Em outras palavras, é necessário fazer uso de um protocolo que indique como os computadores devem se comunicar. No caso do IP, o protocolo aplicado é o TCP/IP (Transmission Control Protocol/Internet Protocol). Existem outros, mas o TCP/IP é o mais conhecido, além de ser o protocolo básico usado na internet.

O endereço IP (ou somente IP) é uma seqüência de números composta de 32 bits. Esse valor consiste em um conjunto de quatro grupos de 8 bits. Cada conjunto é separado por um ponto e recebe o nome de octeto ou simplesmente byte, já que um byte é formado por 8 bits. O número 172.31.110.10 é um exemplo. Repare que cada octeto é formado por, no máximo, 3 caracteres, sendo que cada um pode ir de 0 a 255.

Bem, mas vamos para o que interessa outra hora escrevo algo sobre Ips, como mudar o endereço de IP?

Se você utiliza ADSL, reiniciar o modem provavelmente resultará em um novo endereço IP.

Se sua conexão é discada, você deverá desconectar e discar novamente.


Se o provedor aloca um IP fixo ou interno (como na maioria das linhas ADSL empresariais e do acesso via rádio, respectivamente), o IP não poderá ser mudado sem uma consulta ao provedor e uma modificação na configuração do modem e/ou da placa de rede.


Outra maneira de “mudar” o IP é utilizar uma rede ou computador adicional para chegar ao seu destino. Isto pode ser feito com o uso de proxies — computadores que servem de ponte entre você e o destino real — ou redes anônimas como o Tor, que tentam aumentar a privacidade do internauta usando vários redirecionamentos que dificultam o rastreamento da conexão. Qualquer computador/website em que você se conectar conhecerá apenas o IP do proxy ou do último “nó” do Tor a repassar a conexão e não o seu.

http://tor.eff.org


Como a velocidade da conexão será equivalente àquela do menor nó da rede, o uso do Tor pode resultar numa visível queda na eficiência da conexão, especialmente para usuários de serviços banda larga. Já no caso dos proxies, o problema é que o tráfego, não sendo codificado, pode acabar sendo interceptado pelo computador que deveria estar lhe protegendo (o proxy).
Um uso interessante para os proxies, mas que não está relacionado com o objetivo de esconder o IP, é acessar sites que estejam bloqueados ou indisponíveis por restrições ou falhas da rede. Na China, onde o governo restringe acesso aos sites, eles são a única forma de obter certas informações na rede. Note que o tráfego da rede Tor e o uso de proxies pode ser facilmente identificado por administradores de rede competentes.

Um comentário:

fadel32 disse...

boa dica,a maioria das pessoas nem sabe que e possivel fazer isso,conheco algumas que nem sabe oque e ip.boa dica

>